SUPER-HOMEM E O CURSO DA HISTÓRIA

O Super-homem será sempre maior que qualquer polêmica ou insanidade que lhe atribuam.

Dezembro de 1978. Noite alta. Chico chega em casa com alguns amigos após assistir “Super- homem”, o filme. Encontra o insone Gil para quem conta, extasiado, detalhes do herói chamando a atenção para uma cena impactante quando, numa prova infinita de amor, o intrépido muda a rotação da Terra, retrocedendo o tempo para salvar sua grande paixão, Lois Lane.

O amor sempre foi a máxima inspiração dos poetas ao longo dos séculos. E não foi diferente com Gilberto Gil. Um lápis, um caderno e um violão e a consagração de “Super-homem”, a canção que nascia naquela noite de sublime alumbramento. Um clássico atemporal da música brasileira que resume essa dependência mútua, fisiológica e indissociável que só o amor desperta entre um homem e uma mulher.

Numa entrevista ao GNT sobre o que ele quis transmitir em cada linha de sua composição, Gil explica que “a dimensão naturalista, instintiva e fisiológica entre o homem e a mulher, da qual depende a sobrevivência da espécie, foi o mote da inspiração. Na modernidade, as mulheres ganharam mais espaço colocando, de uma certa maneira, os homens contra a parede. E o homem foi entendendo que precisava rever o seu campo de relacionamento com a mulher e preservar essa maravilhosa dependência que ele tem dela mantendo a cultura de harmonização e entendimento entre os gêneros. E nesse sentido o Super-homem se fortaleceu”, completa Gil.

Confesso que “um dia, eu vivi a ilusão de que ser homem bastaria para ver meu país mais tolerante com as diferenças, livre totalmente para expressar-se e liberto do nefasto “politicamente correto” que tanto destrói nossa cultura e desarticula a espontaneidade do povo, outrora tão irreverente, ingênuo e feliz.

“Vivi a ilusão que o mundo dos homens pudesse me dar” a chance de ver um país mais justo, menos polarizado, mais focado no crescimento, menos corrupto, mais inclusivo, menos odioso.

“Quem dera pudesse todo brasileiro compreender, oh mãe, quem dera, ser o verão o apogeu da primavera” e ser o atual governo o apogeu da decência, a esperança suprema do combate às ideologias doentes, o caminho para o desenvolvimento sustentado, o meio e o fim para o bom combate às desigualdades e a única e derradeira chance de proteção definitiva contra o comunismo perverso que ronda a Terra.

“Quem sabe o Super-homem venha nos restituir a glória, mudando como um deus o curso de nossa recente história, tão aviltada por uma esquerda profana, inconsequente, destruidora da família, dos costumes e da fé cristã.

“Quem sabe o Super-homem venha nos restituir a glória, mudando como um deus o curso” das narrativas inconsequentes e impiedosas que destroem pessoas, arrasam reputações e devastam carreiras, tudo em nome de um inconformismo sem precedentes pelo poder perdido.

“Quem sabe o Super-homem venha nos restituir a glória, mudando como um deus o curso da história, por causa da mulher”, símbolo máximo da temperança humana. Que ela seja a definitiva inspiração para quem quiser reafirmar seu lado feminino e que o faça como legítima opção, apenas respeitando aqueles que tudo fazem por amor à uma mulher.

“Quem sabe você, Super-homem, venha nos restituir a glória, mudando como um deus o curso dessa história que quer mudar a sua.

Meu abraço apertado, Maurício. Meu e de mais de 2 milhões de nós.

Total
0
Shares
63 comments
Deixe um comentário

Emoji Keyboard

Smileys

😀
😁
😂
🤣
😃
😄
😅
😆
😉
😊
😋
😎
😍
😘
😗
😙
😚
🙂
🤗
🤩
🤔
🤨
😐
😑
😶
🙄
😏
😣
😥
😮
🤐
😯
😪
😫
😴
😌
😛
😜
😝
🤤
😒
😓
😔
😕
🙃
🤑
😲
☹️
🙁
😖
😞
😟
😤
😢
😭
😦
😧
😨
😩
🤯
😬
😰
😱
😳
🤪
😵
😡
😠
🤬
😷
🤒
🤕
🤢
🤮
🤧
😇
🤠
🤡
🤥
🤫
🤭
🧐
🤓
😈
👿
👹
👺
💀
👻
👽
🤖
💩
😺
😸
😹
😻
😼
😽
🙀
😿
😾

People

👶
👦
👧
👨
👩
👴
👵
👨‍⚕️
👩‍⚕️
👨‍🎓
👩‍🎓
👨‍⚖️
👩‍⚖️
👨‍🌾
👩‍🌾
👨‍🍳
👩‍🍳
👨‍🔧
👩‍🔧
👨‍🏭
👩‍🏭
👨‍💼
👩‍💼
👨‍🔬
👩‍🔬
👨‍💻
👩‍💻
👨‍🎤
👩‍🎤
👨‍🎨
👩‍🎨
👨‍✈️
👩‍✈️
👨‍🚀
👩‍🚀
👨‍🚒
👩‍🚒
👮
👮‍♂️
👮‍♀️
🕵️‍♂️
🕵️‍♀️
💂‍♂️
💂‍♀️
👷‍♂️
👷‍♀️
🤴
👸
👳‍♂️
👳‍♀️
👲
🧕
🧔
👱
👱‍♂️
👱‍♀️
🤵
👰
🤰
🤱
👼
🎅
🤶
🧙‍♀️
🧙‍♂️
🧚‍♀️
🧚‍♂️
🧛‍♀️
🧛‍♂️
🧜‍♀️
🧜‍♂️
🧝‍♀️
🧝‍♂️
🧞‍♀️
🧞‍♂️
🧟‍♀️
🧟‍♂️
🙍
🙍‍♂️
🙍‍♀️
🙎
🙎‍♂️
🙎‍♀️
🙅
🙅‍♂️
🙅‍♀️
🙆‍♂️
🙆‍♀️
💁‍♂️
💁‍♀️
🙋
🙋‍♂️
🙋‍♀️
🙇
🙇‍♂️
🙇‍♀️
🤦
🤦‍♂️
🤦‍♀️
🤷
🤷‍♂️
🤷‍♀️
💆
💆‍♂️
💆‍♀️
💇
💇‍♂️
💇‍♀️
🚶
🚶‍♂️
🚶‍♀️
🏃
🏃‍♂️
🏃‍♀️
💃
🕺
👯
👯‍♂️
👯‍♀️
🧖‍♀️
🧖‍♂️
🕴
🗣
👤
👥
👫
👬
👭
💏
👨‍❤️‍💋‍👨
👩‍❤️‍💋‍👩
💑
👨‍❤️‍👨
👩‍❤️‍👩
👪
👨‍👩‍👦
👨‍👩‍👧
👨‍👩‍👧‍👦
👨‍👩‍👦‍👦
👨‍👩‍👧‍👧
👨‍👨‍👦
👨‍👨‍👧
👨‍👨‍👧‍👦
👨‍👨‍👦‍👦
👨‍👨‍👧‍👧
👩‍👩‍👦
👩‍👩‍👧
👩‍👩‍👧‍👦
👩‍👩‍👦‍👦
👩‍👩‍👧‍👧
👨‍👦
👨‍👦‍👦
👨‍👧
👨‍👧‍👦
👨‍👧‍👧
👩‍👦
👩‍👦‍👦
👩‍👧
👩‍👧‍👦
👩‍👧‍👧
🤳

Handsigns

💪
👈
👉
☝️
👆
🖕
👇
✌️
🤞
🖖
🤘
🖐
👌
👍
👎
👊
🤛
🤜
🤚
👋
🤟
✍️
👏
👐
🙌
🤲
🙏
🤝
💅
👂
👃
👣
👀
👁
🧠
👅
👄
💋

Clothing

👓
🕶
👔
👕
👖
🧣
🧤
🧥
🧦
👗
👘
👙
👚
👛
👜
👝
🎒
👞
👟
👠
👡
👢
👑
👒
🎩
🎓
🧢
💄
💍
🌂
💼

Animals

🐶
🐱
🐭
🐹
🐰
🦊
🐻
🐼
🐨
🐯
🦁
🐮
🐷
🐽
🐸
🐵
🙈
🙉
🙊
🐒
🐔
🐧
🐦
🐤
🐣
🐥
🦆
🦅
🦉
🦇
🐺
🐗
🐴
🦄
🐝
🐛
🦋
🐌
🐚
🐞
🐜
🕷
🕸
🐢
🐍
🦎
🦂
🦀
🦑
🐙
🦐
🐠
🐟
🐡
🐬
🦈
🐳
🐋
🐊
🐆
🐅
🐃
🐂
🐄
🦌
🐪
🐫
🐘
🦏
🦍
🐎
🐖
🐐
🐏
🐑
🐕
🐩
🐈
🐓
🦃
🕊
🐇
🐁
🐀
🐿
🐾
🐉
🐲
🌵
🎄
🌲
🌳
🌴
🌱
🌿
☘️
🍀
🎍
🎋
🍃
🍂
🍁
🍄
🌾
💐
🌷
🌹
🥀
🌻
🌼
🌸
🌺
🌎
🌍
🌏
🌕
🌖
🌗
🌘
🌑
🌒
🌓
🌔
🌚
🌝
🌞
🌛
🌜
🌙
💫
⭐️
🌟
⚡️
🔥
💥
☄️
☀️
🌤
⛅️
🌥
🌦
🌈
☁️
🌧
🌩
🌨
☃️
⛄️
❄️
🌬
💨
🌪
🌫
🌊
💧
💦
☔️

Food

🍏️
🍎️
🍐️
🍊️
🍋️
🍌️
🍉️
🍇️
🍓️
🍈️
🍒️
🍑️
🍍️
🥝️
🥑️
🍅️
🍆️
🥒️
🥕️
🌽️
🌶️
🥔️
🍠️
🌰️
🥜️
🍯️
🥐️
🍞️
🥖️
🧀️
🥚️
🍳️
🥓️
🥞️
🍤️
🍗️
🍖️
🍕️
🌭️
🍔️
🍟️
🥙️
🌮️
🌯️
🥗️
🥘️
🍝️
🍜️
🍲️
🍥️
🍣️
🍱️
🍛️
🍚️
🍙️
🍘️
🍢️
🍡️
🍧️
🍨️
🍦️
🍰️
🎂️
🍮️
🍭️
🍬️
🍫️
🍿️
🍩️
🍪️
🥛️
🍼️
☕️️
🍵️
🍶️
🍺️
🍻️
🥂️
🍷️
🥃️
🍸️
🍹️
🍾️
🥄️
🍴️
🍽️

Activities

⚽️️
🏀️
🏈️
⚾️️
🎾️
🏐️
🏉️
🎱️
🏓️
🏸️
🥅️
🏒️
🏑️
🏏️
⛳️️
🏹️
🎣️
🥊️
🥋️
⛸️
🎿️
⛷️
🏂️
🏋️‍♀️️
🏋️️
🤺️
🤼‍♀️️
🤼‍♂️️
🤸‍♀️️
🤸‍♂️️
⛹️‍♀️️
⛹️️
🤾‍♀️️
🤾‍♂️️
🏌️‍♀️️
🏌️️
🏄‍♀️️
🏄️
🏊‍♀️️
🏊️
🤽‍♀️️
🤽‍♂️️
🚣‍♀️️
🚣️
🏇️
🚴‍♀️️
🚴️
🚵‍♀️️
🚵️
🎽️
🏅️
🎖️
🥇️
🥈️
🥉️
🏆️
🏵️
🎗️
🎫️
🎟️
🎪️
🤹‍♀️️
🤹‍♂️️
🎭️
🎨️
🎬️
🎤️
🎧️
🎼️
🎹️
🥁️
🎷️
🎺️
🎸️
🎻️
🎲️
🎯️
🎳️
🎮️
🎰️

Travel

🚗
🚕
🚙
🚌
🚎
🏎
🚓
🚑
🚒
🚐
🚚
🚛
🚜
🛴
🚲
🛵
🏍
🚨
🚔
🚍
🚘
🚖
🚡
🚠
🚟
🚃
🚋
🚞
🚝
🚄
🚅
🚈
🚂
🚆
🚇
🚊
🚉
🚁
🛩
✈️
🛫
🛬
🚀
🛰
💺
🛶
⛵️
🛥
🚤
🛳
🚢
⚓️
🚧
⛽️
🚏
🚦
🚥
🗺
🗿
🗽
⛲️
🗼
🏰
🏯
🏟
🎡
🎢
🎠
🏖
🏝
🏔
🗻
🌋
🏜
🏕
⛺️
🛤
🛣
🏗
🏭
🏠
🏡
🏘
🏚
🏢
🏬
🏣
🏤
🏥
🏦
🏨
🏪
🏫
🏩
💒
🏛
⛪️
🕌
🕍
🕋
🗾
🎑
🏞
🌅
🌄
🌠
🎇
🎆
🌇
🌆
🏙
🌃
🌌
🌉
🌁

Objects

⌚️
📱
📲
💻
⌨️
🖥
🖨
🖱
🖲
🕹
🗜
💽
💾
💿
📀
📼
📷
📸
📹
🎥
📽
🎞
📞
☎️
📟
📠
📺
📻
🎙
🎚
🎛
🕰
⌛️
📡
🔋
🔌
💡
🔦
🕯
🗑
🛢
💸
💵
💴
💶
💷
💰
💳
💎
⚖️
🔧
🔨
🛠
🔩
⚙️
🔫
💣
🔪
🗡
⚔️
🛡
🚬
⚰️
⚱️
🏺
🔮
📿
💈
⚗️
🔭
🔬
🕳
💊
💉
🌡
🚽
🚰
🚿
🛁
🛀
🛎
🔑
🗝
🚪
🛋
🛏
🛌
🖼
🛍
🛒
🎁
🎈
🎏
🎀
🎊
🎉
🎎
🏮
🎐
✉️
📩
📨
📧
💌
📥
📤
📦
🏷
📪
📫
📬
📭
📮
📯
📜
📃
📄
📑
📊
📈
📉
🗒
🗓
📆
📅
📇
🗃
🗳
🗄
📋
📁
📂
🗂
🗞
📰
📓
📔
📒
📕
📗
📘
📙
📚
📖
🔖
🔗
📎
🖇
📐
📏
📌
📍
✂️
🖊
🖋
✒️
🖌
🖍
📝
✏️
🔍
🔎
🔏
🔐
🔒
🔓

Symbols

❤️
💛
💚
💙
💜
🖤
💔
❣️
💕
💞
💓
💗
💖
💘
💝
💟
☮️
✝️
☪️
🕉
☸️
✡️
🔯
🕎
☯️
☦️
🛐
♈️
♉️
♊️
♋️
♌️
♍️
♎️
♏️
♐️
♑️
♒️
♓️
🆔
⚛️
☢️
☣️
🉑
📴
📳
🈶
🈚️
🈸
🈺
🈷️
✴️
🆚
💮
🉐
㊙️
㊗️
🈴
🈵
🈹
🈲
🅰️
🅱️
🆎
🅾️
🆑
🆘
⭕️
🛑
⛔️
📛
🚫
💯
💢
♨️
🚷
🚯
🚳
🚱
🔞
📵
🚭
❗️
‼️
⁉️
🔅
🔆
〽️
⚠️
🚸
🔱
⚜️
🔰
♻️
🈯️
💹
❇️
✳️
🌐
💠
Ⓜ️
🌀
💤
🏧
🚾
♿️
🅿️
🈳
🈂️
🛂
🛃
🛄
🛅
🚹
🚺
🚼
🚻
🚮
🎦
📶
🈁
🔣
ℹ️
🔤
🔡
🔠
🆖
🆗
🆙
🆒
🆕
🆓
0️⃣
1️⃣
2️⃣
3️⃣
4️⃣
5️⃣
6️⃣
7️⃣
8️⃣
9️⃣
🔟
🔢
#️⃣
*️⃣
▶️
◀️
🔼
🔽
➡️
⬅️
⬆️
⬇️
↗️
↘️
↙️
↖️
↕️
↔️
↪️
↩️
⤴️
⤵️
🔀
🔁
🔂
🔄
🔃
🎵
🎶
✖️
💲
💱
™️
©️
®️
〰️
🔚
🔙
🔛
🔝
✔️
☑️
🔘
⚪️
⚫️
🔴
🔵
🔺
🔻
🔸
🔹
🔶
🔷
🔳
🔲
▪️
▫️
◾️
◽️
◼️
◻️
⬛️
⬜️
🔈
🔇
🔉
🔊
🔔
🔕
📣
📢
👁‍🗨
💬
💭
🗯
♠️
♣️
♥️
♦️
🃏
🎴
🀄️

Clocks

🕐
🕑
🕒
🕓
🕔
🕕
🕖
🕗
🕘
🕙
🕚
🕛
🕜
🕝
🕞
🕟
🕠
🕡
🕢
🕣
🕤
🕥
🕦
🕧

  1. Excelente texto, Dr. Carlos Eduardo, mostra bem o quanto é estúpido e hipócrita esse mimimi de “politicamente correto”. Ninguém tem de alardear sua opção sexual, muito menos querer impô-la. Fique cada um na sua e nós, héteros, continuaremos a garantir a perpetuidade do gênero humano.
    Lins de Vasconcelos

  2. Agora, já são mais de 2.6M.
    Incrível como hoje está difícil se dizer hétero sem ser chamado de homofóbico, apesar de ter a seu lado grandes e queridos amigos homossexuais, que conosco convivem harmoniosamente e cada um na sua.
    Que mundinho cada dia chato está ficando este nosso, provocado não pelos homofóbicos, mas sim pelos heterofobicos que se julgam e se sentem acima de tudo e de todos e se esforçam para serem sempre o centro das atenções do mundo. De forma leviana e diria ate irresponsável.
    Faço minhas as suas palavras, Dr Carlos Eduardo.
    Alex Meira .

  3. Dr. Leão não lhe conheço. Recebo seus artigos de um grupo daqui de Jaraguá SC e já espero por eles a cada domingo. De onde vem tanta inspiração, doutor? Incrível como o senhor se supera a cada texto. O de hoje está especialmente emocionante e toca nossa alma de uma maneira linda. O mundo está doente, ranzinza e chato de viver, doutor. Obrigada por torná-lo mais aceitável com a sua riqueza literária.

    Marluce Ribeiro

  4. ” Quem te viu, quem te vê”!

    Quem sabe o Super-homem venha restituir ao compositor-escritor- cantor de antanho a sensibilidade e honestidade perdidas ao longo dos anos pelo Favorecimento de uma Lei estranha a favorecer a Cultura??? e os Cantores do outrora que viraram a Glória de um poder estranho de agora!
    GRANDE, CADU. ABRS!!!
    Jorge Safe

  5. Parabéns, Cadu. Você não me surpreende mais com a qualidade dos seus textos. Mesmo assim não posso deixar de registrar a feliz construção da frase quase final:”Quem sabe…mudando como um deus o curso dessa história que quer mudar a sua” Muito bom!
    Sérgio Menin

  6. Jerry Siegel e Joe Shuster criadores do Superman nos anos trinta devem estar mexendo no túmulo. A que ponto a esquerda chegou. Desmitificar os ídolos infantis para destruir nossas crianças e tentar incutir em suas mentes em desenvolvimento sua ideologia de gênero totalmente fora dos princípios biológicos que não obedecem a esquerda ou a direita. O nefasto objetivo é destruir a família e consequentemente a sociedade .
    Fernando Vasconcelos

  7. Genial sua utilização de dois ícones dessa esquerda que quer mudar o necessariamente imutável, para re-mostrar o caminho natural que o Criador traçou para suas criaturas. E, a propósito, estou decepcionado com o comportamento do meu querido MTC, um antigo bastião da moralidade e da TFM, por tomar essa esdrúxula medida contra o Maurício de Souza. Ótimo domingo! Evaldo

  8. A atual minoria, com sua “luta” desenfreada e sem qualquer moralidade, está nos tornando a minoria do futuro. Quem não é homofóbico, está tomando tanta “antipatia” por algumas situações que pode acabar se tornando um. Não é uma luta por igualdade, mas sim por poder. E parafraseando Maurício: “vamos ver onde isso vai dar..”
    Grande abraço!
    Ian Duarte

  9. Talvez um de seus maiores pensamentos, crônica maravilhosa, cujo texto expressa a nossa necessidade de voltar o tempo, maravilhosa época em que o nosso pensamento era compartilhado, livre e com alegria, acompanhando o vôo de nosso herói.
    Como sempre, inspirado nos momentos certos!
    Eduardo Belisario

  10. O Maurício só falou VERDADE !.. Exerceu o direito constitucional de LIVRE MANIFESTAÇÃO DO PENSAMENTO. E o fez com boa educação parlamentar, sem agressividade. Infeliz a precipitada decisão da diretoria do MTC do qual sou associado desde 1946. Patrocinadores pagam pelos jogos dos times que lhes dão vantajosos retornos comerciais. Jamais pelos atos e opiniões do patrocinado. O Maurício merece eloquente DESAGRAVO. Tratar com respeito e dignidade as minorias é dever de todos . Não submeter-se às imposições dessas minorias tb é dever de todos. Como sempre, parabéns dr. Cadu. J B. Ardizoni Reis

  11. A liberdade de expressão virou letra morta no momento atual. Que Deus inspire os homens para o retorno à normalidade da vida, sem as teorias que desejam interferir no seio das famílias. Excelente crônica, como sempre, meu caro Cadu. Parabéns. Bom domingo.
    Hélio Arêas

  12. Tip o texto, chefe! Minoria opessora sustentada por amarras políticas muito bem orquestradas. Agora entendemos como nunca a frase “o inferno é cheio de boas intenções”
    Fernando Rodrigues

  13. Mestre Cadu, queridos leitores,
    É difícil expor sua opinião nos tempos atuais. É um pisar em ovos. Demitir alguém e perseguir por ser seu ponto de vista diferente do que querem nos impor é algo baixo, ridículo…. Será que quem detonou o Maurício na web e na mídia é realmente politicamente correto, se é que há correção nisto ou apenas convenientemente correto? A coisa está tomando uma dimensão tão absurda que como bem disse o Falcão ( comediante) , vai chegar um tempo em quem for heterosexual será vaiado na rua! Ou o heterosexual será uma minoria a ponto de ter que fazer uma parada do orgulho hetero!
    Ainda bem que Costinha se foi, na primeira piada levaria um processo…. Agora não estão nem perdoando revistinha em quadrinhos…. Daqui a pouco a Liga da Justiça passa a se chamar : Gaiola das Loucas! Não sou homofóbico, mas sou totalmente contrário a tudo que a mídia podre de esquerda quer nos impor goela abaixo , sou contra os lacradores de plantão que destroem pessoas em troca de likes, visualizações, midia!
    Um abraço Osiris

  14. SuperHomem somos todos nós os Conservadores. Não adianta a gritaria histérica de um pequeno grupo que se acha dono da verdade. Nós somos muito melhores que eles, e isso incomoda muito!

Previous Post

400 REAIS É POUCO!

Next Post

LEWIS HAMILTON PROCLAMA A REPÚBLICA

Related Posts
Total
0
Share