Os meus “Cem Dias”

Os caras não são fáceis não! Foram precisos 100 dias pra entender a real virulência da esquerda brasileira e suas estratégias desconstrutivas e maquiavélicas.

Vocês devem estar de saco cheio dos meus “Cem Dias”. Foram dez crônicas! Uma a cada dez dias! Ninguém aguenta ler tanto o mesmo cara, eu sei disso. Resumo da ópera: tenho com vocês uma dívida de gratidão quase impagável. Mas é tudo culpa do “Efeito Bolsonaro” que apoderou-se de mim ato contínuo àquela facada. To falando sério, gente. Foi algo impressionante. Algo metafísico, diria, já que nunca fui fã incondicional desse cara. Via nele apenas a única esperança de nos livrarmos das amarras do retrocesso impostas por tantos anos de esquerda insana.

Nunca na minha vida fui tão ligado à politica, às suas notícias, aos seus comentários, aos seus programas. Incluo Thaïs nisso. Minha mulher é, hoje, quase uma ativista e vocês não imaginam como me ajuda nas redes sociais. Seguimos todo mundo. Bolsonaro, filhos de Bolsonaro, Nêumane, Waack, Rox, Olavo, Pingo nos Is e o escambau. Meu celular é uma sinfonia Bachiana de “sininhos de alerta” de cada cara que sigo. Divertimo-nos muito com a cara de bunda dos jornalistas que se revezam na GloboNews. O JN é o nosso programa humorístico predileto.

Faço print de cada critica, frase ou comentário postados nas redes sociais que me inspiram à largas gargalhadas tipo, “Vamos aderir à campanha: Não discuta com petista. Você não é psiquiatra”, ou “O Politicamente Correto é apenas uma arma para calar quem não concorda com a narrativa da esquerda”, também “Ao assumir o poder, o PT prometeu as reformas política, fiscal, trabalhista, agrária, e da Previdência. Após 13 anos realizou apenas duas reformas: as do triplex do Guarujá e do sítio de Atibaia”, ou ainda o impagável post que mostra toda criatividade do brasileiro: uma foto da jornalista Miriam Leitão feita logo após anunciar a vitória de Bolsonaro (imaginem a cara da guerrilheira) com os dizeres “Miss Brasil segundo o DataFolha”.

E aí, meus amigos, cem dias se passaram. Tensão, apreensão, raiva, nojo, ódio, perplexidade com atos e fatos da esquerda esperneante contrapuseram-se à fé, esperança, competência, determinação, coragem, coerência e, sobretudo, personalidade de um governo que se mostra sólido e firmemente no trilho. E aí, sobrevém uma pergunta: Será mesmo que valeu à pena toda essa saga que vivi? Se você, que ora me lê, se encontrou neste texto, pergunto: Valeu à pena toda essa interatividade e com essa intensidade?

Acho que estamos fazendo o que quer a esquerda. Vou explicar. Tudo que ela fez até agora não tem a menor relevância. Posse de arma, Bebiano, Velez, Damares, embaixada em Jerusalém, Danilo Gentilli condenado, Crusoé censurada, OAntagonista pela bola sete, preço do Diesel. Tudo tempestade em copo d’água. São as implicâncias de sempre com coisas de somenos importância. Conturbar a cena política com notícias rasteiras, medíocres, inconsistentes, mentirosas que nos deixam irritados. Alguns, como eu, correm pras crônicas. Outros, discutem, vociferam, brigam. Alguns, cortam antigas amizades. Tem até os que infartam. É tudo o que eles querem. São mestres e doutores na criação da cizânia e instabilidade emocional. Cortina de fumaça para o que eles mais temem nesse mundo: o sucesso das Reformas de Guedes e Moro.

Até que li e entendi, numa coluna de Lauro Jardim, o resumo para tudo que escrevo acima. “Alguns parlamentares de grande influência no Congresso têm dito reservadamente que aprovar uma reforma da Previdência que dê uma economia de R$ 1 trilhão, como a proposta pelo governo, seria tornar Jair Bolsonaro invencível em 2022, dada a quantidade de investimentos que jorraria no Brasil. Por isso, estrategicamente, avaliam que passar uma reforma entre R$ 500 a 600 bilhões, seria mais adequada”. Ou seja, uma reforma meia-boca. Sonho desses malditos.

É exatamente isso, gente. Canalhas que só pensam em si, na retomada do poder e na perpetuação da incompetência, da pobreza e da subserviência. Que bom que entendi a tempo de canalizar minhas energias numa outra estratégia, menos desgastante, menos estressante mas, certamente, mais eficiente como urge a situação. Minha arma é o meu IPad que traduz o meu pensamento. Minha munição são vocês que me aturam e me difundem. No melhor estilo daquele famoso beija-flor tentando apagar um devastador incêndio na floresta…

Façamos, pois, cada um a sua parte. Por nós, pela descendência, pela pátria, enfim.

“Temo que resolver isso aí, táôquêi? Forte abraço a todos. Até a próxima, se Deus quiser.”

Por Carlos Eduardo Leão

Total
0
Shares
0 comments
Deixe um comentário

Emoji Keyboard

Smileys

😀
😁
😂
🤣
😃
😄
😅
😆
😉
😊
😋
😎
😍
😘
😗
😙
😚
🙂
🤗
🤩
🤔
🤨
😐
😑
😶
🙄
😏
😣
😥
😮
🤐
😯
😪
😫
😴
😌
😛
😜
😝
🤤
😒
😓
😔
😕
🙃
🤑
😲
☹️
🙁
😖
😞
😟
😤
😢
😭
😦
😧
😨
😩
🤯
😬
😰
😱
😳
🤪
😵
😡
😠
🤬
😷
🤒
🤕
🤢
🤮
🤧
😇
🤠
🤡
🤥
🤫
🤭
🧐
🤓
😈
👿
👹
👺
💀
👻
👽
🤖
💩
😺
😸
😹
😻
😼
😽
🙀
😿
😾

People

👶
👦
👧
👨
👩
👴
👵
👨‍⚕️
👩‍⚕️
👨‍🎓
👩‍🎓
👨‍⚖️
👩‍⚖️
👨‍🌾
👩‍🌾
👨‍🍳
👩‍🍳
👨‍🔧
👩‍🔧
👨‍🏭
👩‍🏭
👨‍💼
👩‍💼
👨‍🔬
👩‍🔬
👨‍💻
👩‍💻
👨‍🎤
👩‍🎤
👨‍🎨
👩‍🎨
👨‍✈️
👩‍✈️
👨‍🚀
👩‍🚀
👨‍🚒
👩‍🚒
👮
👮‍♂️
👮‍♀️
🕵️‍♂️
🕵️‍♀️
💂‍♂️
💂‍♀️
👷‍♂️
👷‍♀️
🤴
👸
👳‍♂️
👳‍♀️
👲
🧕
🧔
👱
👱‍♂️
👱‍♀️
🤵
👰
🤰
🤱
👼
🎅
🤶
🧙‍♀️
🧙‍♂️
🧚‍♀️
🧚‍♂️
🧛‍♀️
🧛‍♂️
🧜‍♀️
🧜‍♂️
🧝‍♀️
🧝‍♂️
🧞‍♀️
🧞‍♂️
🧟‍♀️
🧟‍♂️
🙍
🙍‍♂️
🙍‍♀️
🙎
🙎‍♂️
🙎‍♀️
🙅
🙅‍♂️
🙅‍♀️
🙆‍♂️
🙆‍♀️
💁‍♂️
💁‍♀️
🙋
🙋‍♂️
🙋‍♀️
🙇
🙇‍♂️
🙇‍♀️
🤦
🤦‍♂️
🤦‍♀️
🤷
🤷‍♂️
🤷‍♀️
💆
💆‍♂️
💆‍♀️
💇
💇‍♂️
💇‍♀️
🚶
🚶‍♂️
🚶‍♀️
🏃
🏃‍♂️
🏃‍♀️
💃
🕺
👯
👯‍♂️
👯‍♀️
🧖‍♀️
🧖‍♂️
🕴
🗣
👤
👥
👫
👬
👭
💏
👨‍❤️‍💋‍👨
👩‍❤️‍💋‍👩
💑
👨‍❤️‍👨
👩‍❤️‍👩
👪
👨‍👩‍👦
👨‍👩‍👧
👨‍👩‍👧‍👦
👨‍👩‍👦‍👦
👨‍👩‍👧‍👧
👨‍👨‍👦
👨‍👨‍👧
👨‍👨‍👧‍👦
👨‍👨‍👦‍👦
👨‍👨‍👧‍👧
👩‍👩‍👦
👩‍👩‍👧
👩‍👩‍👧‍👦
👩‍👩‍👦‍👦
👩‍👩‍👧‍👧
👨‍👦
👨‍👦‍👦
👨‍👧
👨‍👧‍👦
👨‍👧‍👧
👩‍👦
👩‍👦‍👦
👩‍👧
👩‍👧‍👦
👩‍👧‍👧
🤳

Handsigns

💪
👈
👉
☝️
👆
🖕
👇
✌️
🤞
🖖
🤘
🖐
👌
👍
👎
👊
🤛
🤜
🤚
👋
🤟
✍️
👏
👐
🙌
🤲
🙏
🤝
💅
👂
👃
👣
👀
👁
🧠
👅
👄
💋

Clothing

👓
🕶
👔
👕
👖
🧣
🧤
🧥
🧦
👗
👘
👙
👚
👛
👜
👝
🎒
👞
👟
👠
👡
👢
👑
👒
🎩
🎓
🧢
💄
💍
🌂
💼

Animals

🐶
🐱
🐭
🐹
🐰
🦊
🐻
🐼
🐨
🐯
🦁
🐮
🐷
🐽
🐸
🐵
🙈
🙉
🙊
🐒
🐔
🐧
🐦
🐤
🐣
🐥
🦆
🦅
🦉
🦇
🐺
🐗
🐴
🦄
🐝
🐛
🦋
🐌
🐚
🐞
🐜
🕷
🕸
🐢
🐍
🦎
🦂
🦀
🦑
🐙
🦐
🐠
🐟
🐡
🐬
🦈
🐳
🐋
🐊
🐆
🐅
🐃
🐂
🐄
🦌
🐪
🐫
🐘
🦏
🦍
🐎
🐖
🐐
🐏
🐑
🐕
🐩
🐈
🐓
🦃
🕊
🐇
🐁
🐀
🐿
🐾
🐉
🐲
🌵
🎄
🌲
🌳
🌴
🌱
🌿
☘️
🍀
🎍
🎋
🍃
🍂
🍁
🍄
🌾
💐
🌷
🌹
🥀
🌻
🌼
🌸
🌺
🌎
🌍
🌏
🌕
🌖
🌗
🌘
🌑
🌒
🌓
🌔
🌚
🌝
🌞
🌛
🌜
🌙
💫
⭐️
🌟
⚡️
🔥
💥
☄️
☀️
🌤
⛅️
🌥
🌦
🌈
☁️
🌧
🌩
🌨
☃️
⛄️
❄️
🌬
💨
🌪
🌫
🌊
💧
💦
☔️

Food

🍏️
🍎️
🍐️
🍊️
🍋️
🍌️
🍉️
🍇️
🍓️
🍈️
🍒️
🍑️
🍍️
🥝️
🥑️
🍅️
🍆️
🥒️
🥕️
🌽️
🌶️
🥔️
🍠️
🌰️
🥜️
🍯️
🥐️
🍞️
🥖️
🧀️
🥚️
🍳️
🥓️
🥞️
🍤️
🍗️
🍖️
🍕️
🌭️
🍔️
🍟️
🥙️
🌮️
🌯️
🥗️
🥘️
🍝️
🍜️
🍲️
🍥️
🍣️
🍱️
🍛️
🍚️
🍙️
🍘️
🍢️
🍡️
🍧️
🍨️
🍦️
🍰️
🎂️
🍮️
🍭️
🍬️
🍫️
🍿️
🍩️
🍪️
🥛️
🍼️
☕️️
🍵️
🍶️
🍺️
🍻️
🥂️
🍷️
🥃️
🍸️
🍹️
🍾️
🥄️
🍴️
🍽️

Activities

⚽️️
🏀️
🏈️
⚾️️
🎾️
🏐️
🏉️
🎱️
🏓️
🏸️
🥅️
🏒️
🏑️
🏏️
⛳️️
🏹️
🎣️
🥊️
🥋️
⛸️
🎿️
⛷️
🏂️
🏋️‍♀️️
🏋️️
🤺️
🤼‍♀️️
🤼‍♂️️
🤸‍♀️️
🤸‍♂️️
⛹️‍♀️️
⛹️️
🤾‍♀️️
🤾‍♂️️
🏌️‍♀️️
🏌️️
🏄‍♀️️
🏄️
🏊‍♀️️
🏊️
🤽‍♀️️
🤽‍♂️️
🚣‍♀️️
🚣️
🏇️
🚴‍♀️️
🚴️
🚵‍♀️️
🚵️
🎽️
🏅️
🎖️
🥇️
🥈️
🥉️
🏆️
🏵️
🎗️
🎫️
🎟️
🎪️
🤹‍♀️️
🤹‍♂️️
🎭️
🎨️
🎬️
🎤️
🎧️
🎼️
🎹️
🥁️
🎷️
🎺️
🎸️
🎻️
🎲️
🎯️
🎳️
🎮️
🎰️

Travel

🚗
🚕
🚙
🚌
🚎
🏎
🚓
🚑
🚒
🚐
🚚
🚛
🚜
🛴
🚲
🛵
🏍
🚨
🚔
🚍
🚘
🚖
🚡
🚠
🚟
🚃
🚋
🚞
🚝
🚄
🚅
🚈
🚂
🚆
🚇
🚊
🚉
🚁
🛩
✈️
🛫
🛬
🚀
🛰
💺
🛶
⛵️
🛥
🚤
🛳
🚢
⚓️
🚧
⛽️
🚏
🚦
🚥
🗺
🗿
🗽
⛲️
🗼
🏰
🏯
🏟
🎡
🎢
🎠
🏖
🏝
🏔
🗻
🌋
🏜
🏕
⛺️
🛤
🛣
🏗
🏭
🏠
🏡
🏘
🏚
🏢
🏬
🏣
🏤
🏥
🏦
🏨
🏪
🏫
🏩
💒
🏛
⛪️
🕌
🕍
🕋
🗾
🎑
🏞
🌅
🌄
🌠
🎇
🎆
🌇
🌆
🏙
🌃
🌌
🌉
🌁

Objects

⌚️
📱
📲
💻
⌨️
🖥
🖨
🖱
🖲
🕹
🗜
💽
💾
💿
📀
📼
📷
📸
📹
🎥
📽
🎞
📞
☎️
📟
📠
📺
📻
🎙
🎚
🎛
🕰
⌛️
📡
🔋
🔌
💡
🔦
🕯
🗑
🛢
💸
💵
💴
💶
💷
💰
💳
💎
⚖️
🔧
🔨
🛠
🔩
⚙️
🔫
💣
🔪
🗡
⚔️
🛡
🚬
⚰️
⚱️
🏺
🔮
📿
💈
⚗️
🔭
🔬
🕳
💊
💉
🌡
🚽
🚰
🚿
🛁
🛀
🛎
🔑
🗝
🚪
🛋
🛏
🛌
🖼
🛍
🛒
🎁
🎈
🎏
🎀
🎊
🎉
🎎
🏮
🎐
✉️
📩
📨
📧
💌
📥
📤
📦
🏷
📪
📫
📬
📭
📮
📯
📜
📃
📄
📑
📊
📈
📉
🗒
🗓
📆
📅
📇
🗃
🗳
🗄
📋
📁
📂
🗂
🗞
📰
📓
📔
📒
📕
📗
📘
📙
📚
📖
🔖
🔗
📎
🖇
📐
📏
📌
📍
✂️
🖊
🖋
✒️
🖌
🖍
📝
✏️
🔍
🔎
🔏
🔐
🔒
🔓

Symbols

❤️
💛
💚
💙
💜
🖤
💔
❣️
💕
💞
💓
💗
💖
💘
💝
💟
☮️
✝️
☪️
🕉
☸️
✡️
🔯
🕎
☯️
☦️
🛐
♈️
♉️
♊️
♋️
♌️
♍️
♎️
♏️
♐️
♑️
♒️
♓️
🆔
⚛️
☢️
☣️
🉑
📴
📳
🈶
🈚️
🈸
🈺
🈷️
✴️
🆚
💮
🉐
㊙️
㊗️
🈴
🈵
🈹
🈲
🅰️
🅱️
🆎
🅾️
🆑
🆘
⭕️
🛑
⛔️
📛
🚫
💯
💢
♨️
🚷
🚯
🚳
🚱
🔞
📵
🚭
❗️
‼️
⁉️
🔅
🔆
〽️
⚠️
🚸
🔱
⚜️
🔰
♻️
🈯️
💹
❇️
✳️
🌐
💠
Ⓜ️
🌀
💤
🏧
🚾
♿️
🅿️
🈳
🈂️
🛂
🛃
🛄
🛅
🚹
🚺
🚼
🚻
🚮
🎦
📶
🈁
🔣
ℹ️
🔤
🔡
🔠
🆖
🆗
🆙
🆒
🆕
🆓
0️⃣
1️⃣
2️⃣
3️⃣
4️⃣
5️⃣
6️⃣
7️⃣
8️⃣
9️⃣
🔟
🔢
#️⃣
*️⃣
▶️
◀️
🔼
🔽
➡️
⬅️
⬆️
⬇️
↗️
↘️
↙️
↖️
↕️
↔️
↪️
↩️
⤴️
⤵️
🔀
🔁
🔂
🔄
🔃
🎵
🎶
✖️
💲
💱
™️
©️
®️
〰️
🔚
🔙
🔛
🔝
✔️
☑️
🔘
⚪️
⚫️
🔴
🔵
🔺
🔻
🔸
🔹
🔶
🔷
🔳
🔲
▪️
▫️
◾️
◽️
◼️
◻️
⬛️
⬜️
🔈
🔇
🔉
🔊
🔔
🔕
📣
📢
👁‍🗨
💬
💭
🗯
♠️
♣️
♥️
♦️
🃏
🎴
🀄️

Clocks

🕐
🕑
🕒
🕓
🕔
🕕
🕖
🕗
🕘
🕙
🕚
🕛
🕜
🕝
🕞
🕟
🕠
🕡
🕢
🕣
🕤
🕥
🕦
🕧

  1. É triste! Se o povo continuar nessa letargia, apatia,… Vai ser difícil! Os nossos políticos só olham para seus próprios interesses. Seria tão bom se eles fossem protagonistas da reforma, melhorassem a proposta do governo. Será que não enxergam a oportunidade de impactar o eleitorado positivamente? Giovanna Freire

  2. Meu querido Cadu, até para a sua brilhante mente fica difícil defender os destempêros. Toda a verdade contida no seu texto seria imensamente valorizada com um esclarecimento sensato. A bola foi levantada, mas o cabeceio, infeliz demais! A um Estadista, vale a máxima de César: não basta ser sério; precisa aparentar a seriedade. E kafta é boa de engolir, já Kafka fica entalado. Guedes é da sua família, um Leão! Continuaremos lutando, mas o fardo poderia ser mais leve! Grande abraço. Ithamar

  3. Dr. Carlos Eduardo, você é um Leão! Adoro ler suas crônicas! Você escreve com uma classe tal, que deve incomodar mais do que é sua intenção. Ah, eu leio com gosto e até releio para Juarez! Te garanto que vou espalhar para meus contatos, também com gosto. Muito obrigada! Abraços para você e família. Angelina

  4. Mais uma lúcida análise desses sombrios dias que vivemos, onde os maiores inimigos da nação brasileira, do povo brasileiro, estendem suas sinistras asas de quirópteros noturnos tentando asfixiar os sonhos de quem ama a liberdade, e quer a felicidade de viver. Parabéns Cadú. Evaldo

  5. Gostei da sua história de vida Sr Edmar Scarabello ! Só não entendi porque o senhor se colocou no rol dos idiotas úteis à disseminação da baderna, da malandragem, da cegueira ideologica e da corrupção, que graças a Deus não são todos … Ainda encontramos nas universidades, gente como o senhor, que ao invés de se dedicar só à militância, se dedicou aos estudos com muita garra e sabendo aproveitar as oportunidades de superação de sua adversa condição social. Precisamos sim de mais ESTUDANTES como o senhor ! O que não precisamos é de um bando de estudantes arruaceiros que por falta de objetivos, de fé, de vontade e de formação crítica se deixam cegar pela retrograda catequese dualista marxista, sem se darem conta de que, no final irão engrossar a fila dos pobres que manterão a eterna tese da luta de classes … Porque convenhamos, como estes políticos de esquerda se elegerão sem este discurso que divide o povo entre nós e eles ? Mas o que é pior… estes inocentes úteis são usados para defender aqueles que mais roubaram da saúde, da educação e de todas os serviços importantes e necessários para dar o mínimo de dignidade à população…
    Espertos mesmo são estes “estocadores de vento, saudadores da mandioca estes mestres e doutores em corrupção” não é mesmo ?
    Em sua história encontro algumas contradições, entre elas a de que, se não fosse a bela oportunidade que o senhor teve de estudar numa escola PARTICULAR e de construir uma boa base acadêmica, que o levaria junto com seu esforço e mérito, pra dentro de uma universidade federal, sua vida não teria se transformado desta forma.
    E disto que estamos falando… da necessidade de se melhorar a tão inoperante e ineficiente educação publica. Os processos escolares baseados na aprovação continuada, sem chegar a sanar as dificuldades dos alunos, não levarão a nada.
    Aliás, o Projeto Patria Educadora so veio comprovar a tese de que mais do que colocar as crianças na escola, precisamos melhorar sua bagagem acadêmica e pessoal. Basta ver, como retrocedemos no ranking mundial ! Falo e critico a educação, com tanta propriedade quanto o senhor, já que me preparei muito bem, trabalhei toda a minha vida divindo meus conhecimentos e aprendendo com meus pares na escola. De tudo que vi e vejo, o que posso afirmar com segurança é que, uma EDUCAÇÃO de QUALIDADE como a que o senhor teve, somada à disposição para aprender, raramente é fadada ao fracasso. Assim sendo, o que anda faltando a muitos idiotas úteis ( aí não incluo o senhor) é justamente seguir o seu belo exemplo: estudar, estudar e estudar, não perdendo o foco e nem a crença de que o conhecimento aliado a uma ética de postura, de internalização de valores, direitos e deveres, se pode chegar, assim como o senhor chegou, aonde seu coração e seu desejo lhe levar !
    Fica a pergunta; por que está turma que foi pra rua não protestou contra a má qualidade da educação durante os governos petistas?

  6. Enquanto isso o Brasil vai afundando. Esquerda, centro e direita se organizam para atender aos seus próprios interesses ou dos setores que os elegeram. Agora, nosso presidente atual, um destruidor de si mesmo, destruidor do seu governo. Incrível, como o camarada é despreparado. Sempre detestei os governos de esquerda, Dilma e Lula, mas o último, um analfabeto, bandido total, era muito mais inteligente e articulado. E a vida segue assim….. ser honesto e somente isso, não é o suficiente para ser presidente do Brasil.

  7. Meu Deus!!!!! Essa foi de arrebentar de uma vez. Que chegue até o nosso Presidente e que ele saiba que não está mesmo sozinho!!! Já está ficando cansativo parabeniza-lo Dr Carlos… mas tomarei um energizante e continuarei parabenizando-o! Até o próximo!!!!

Previous Post

Precisamos reescrever nossa história

Next Post

Gran Circo Tchutchuca

Related Posts
Total
0
Share